Projeto de Pesquisa em parceria com Ministério da Saúde.

Em 15 de julho de 2013, em Endovascular, por Dr. Nelson Wolosker

(1) Gás carbônico em procedimentos endovasculares.

 

Com o envelhecimento da população mundial, a prevalência de doenças vasculares degenerativas vem aumentando progressivamente. Hoje as obstruções arteriais estão presentes em mais de 20% dos indivíduos com mais de 70 anos e os aneurismas de aorta em 3,5 por 1000 pessoas com mais de 50 anos de idade por ano.

Em algumas situações esses pacientes necessitam de correção cirúrgica, que nos dias atuais é realizado em mais de 80% dos casos de maneira minimamente invasiva – por via endovascular (angioplastias e colocação de Stents e endopróteses).

Para a realização desses procedimentos, o uso de contraste iodado é a forma convencional, possibilitando a produção de imagens de excelente qualidade, à custa de riscos que vão desde insuficiência renal até choque anafilático e óbito.

Uma alternativa muito interessante ao uso do contraste iodado, pouco utilizada até os dias de hoje, é o uso do GÁS CARBÔNICO.

Nenhum grupo de pesquisa havia estudado de forma científica (prospectiva e randomizada) o uso do GÁS CARBÔNICO como alternativa ao uso do contraste iodado.

Há 2 anos, submetemos um projeto de pesquisa do nosso grupo na Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein e ao MINISTÉRIO DA SAÚDE e após aprovação e financiamento, iniciamos grande estudo comparativo (randomizado e prospectivo) para comparar o uso desses dois contrastes em pacientes com doença arterial obstrutiva grave e em aneurismas de aorta abdominal com mais de 5 cm de diâmetro.

Após 1 ano e meio de trabalho, tratamos mais de 50 pacientes e estamos publicando os resultados do uso do GÁS CARBÔNICO no tratamento endovascular da doença arterial femoro-poplítea (na coxa).

Esse trabalho foi submetido para publicação na melhor revista de cirurgia do mundo, a Annals of Surgery (impacto 10), e os resultados são muito interessantes:

  1. Conseguimos realizar todas as revascularizações tanto com GÁS CARBÔNICO quanto com contraste iodado.
  2. Os resultados cirúrgicos foram satisfatórios em ambos os grupos.
  3. Nenhum paciente necessitou conversão para cirurgia aberta.
  4. As imagens obtidas em ambos os grupos foram adequadas.
  5. O custo com o contraste iodado foi maior do que no grupo com GÁS CARBÔNICO.
  6. Houve uma tendência à melhora da função renal no grupo que utilizou GÁS CARBÔNICO, e no grupo do contraste iodado, houve tendência à piora da função renal. O numero de casos ainda é pequeno para se definir uma diferença estatística entre ambos.

Concluímos que o uso do GÁS CARBÔNICO é uma boa alternativa para a realização de procedimentos endovasculares.

Mais estudos com mais casos são necessários para afirmar nossos achados e demonstrar boa relação de custo-efetividade.

Para tal, continuamos realizando o estudo, que além da sua importância científica, gera ganhos em termos de assistência aos pacientes do SUS e também ao ensino e à pesquisa.

É a sociedade se beneficiando de uma parceria entre o Ministério da Saúde e de uma Instituição Filantrópica de grande importância: A SOCIEDADE BENEFICENTE ISRAELITA BRASILEIRA ALBERT EINSTEIN.

Como ainda não finalizamos este estudo, continuamos convidando voluntários para participar da pesquisa científica intitulada “A utilização do dióxido de carbono (CO2) como meio de contraste para a realização de procedimentos endovasculares” que visa estudar o uso de um contraste eventualmente mais seguro para realização destas cirurgias e menos custoso, gerando benefícios a toda população.

Podem participar deste estudo homens e mulheres de todas as idades, pacientes do sistema único de saúde (SUS), que forem portadores de isquemia de membros inferiores (dor nas pernas por obstrução das artérias) ou aneurisma de aorta abdominal infra-renal com indicação para cirurgia endovascular.

Os interessados devem entrar em contato em horário comercial no telefone: 2151-9442.

Os comentátrios estão fechados.

Procurando algo?

Use o formulário abaixo para pesquisar no site:

Ainda não encontrou o que procura? Entre em contato.

Blog Prof. Dr. Nelson Wolosker

O Blog se destina a publicação de artigos e notícias relacionado a especialidades da Clínica do Prof. Dr. Nelson Wolosker, Cirurgião Vascular e Endovascular.